11.7 C
Valinhos
quinta-feira, agosto 5, 2021

Sistema Tegumentar

Definição: O estudo da estrutura do sistema tegumentar é denominado dermatoanatomia (do grego-derma, pele). O tegumento comum (do latim- tegere, cobrir), compreende a pele (do latim – cútis), pelos, unhas e glândulas cutâneas (incluindo as mamas).

Funções:
1 – Fornecer proteção,
2 – Fornecer termorregulação para o organismo,
3 – Constituir a capa hidrófoba que separa o meio interno do meio ambiente,
4 – Fornecer alimento aos lactentes,
5 – Possuir estruturas receptoras que a tornam uma estrutura sensorial,
6 – Absorver substâncias.
7 – Sintetizar a vitamina D pela exposição à luz ultra violeta.
8 – Indicar a ocorrência de doenças.

Pele: área no adulto aproximadamente 2m2, temperatura entre 32 e 36º C quando medida na axila. Sua espessura varia entre 0,5 e 3 mm, sendo mais fina nas faces ventral e de flexão do corpo, nas crianças e idosos.

A pele se divide em:
a) epiderme,
b) derme,
c) tela subcutânea ou hipoderme.

As células epiteliais são formadas pelas células da camada basal que substituem de dentro para fora as células que sofrendo processo de cornificação se desintegram na superfície do corpo.

Queratinização: O processo de queratinização resulta da produção de uma proteína denominada queratina, encontrada no estrato córneo, pelos e unhas.

A pele apresenta pigmentos como a melanina, melanóides, caroteno, hemoglobina e oxiemoglobina. A derme está situada abaixo do estrato basal da epiderme, contem os folículos pilosos, glândulas e tecido conjuntivo. O estrato reticular da derma apresenta fibras colágenas. Aparecem fibras musculares estriadas, musculatura facial e musculatura lisa (mamilo, escroto, pênis, períneo e couro cabeludo).

A tela subcutânea funciona como um órgão armazenador de gordura, ela evita a perda excessiva de calor. Os sulcos cutâneos indicam áreas de fixação da derme na tela subcutânea.

PÊLO: Os pêlos (do latim – pilus, pili), são brotamentos da epiderme que se aprofundam na derme. Cada pêlo é contido em um folículo piloso (bolsa dérmica longa).A extremidade implantada do pêlo é invaginada por uma papila.

Lânulo é o termo utilizado para os primeiros pelos e uma pele sem pêlos é chamada glabra (planta dos pés e faces dorsais das falanges distais).

UNHAS: (do latim unguis, ungues), são espessamentos córneos da epiderme e sobrepostos às faces dorsais das falanges distais. Sua função é proteger as extremidades e As informações sensoriais. Distinguimos duas porções, uma proximal implantada (raiz) e uma larga lâmina distal ao corpo.
A raiz é recoberta pelo eponíquio (cutícula) que é uma prega de queratina mole constituída
pelas camadas córneas de pele. A porção proximal do corpo da unha apresenta uma zona
córnea que é opaca denominada lúnula.
O crescimento é influenciado por fatores nutricionais, hormonais e patológicos.

GLÂNDULAS

No epitélio glandular as células são especializadas em produzir e secretar determinadas substâncias, sendo chamadas células glandulares.

As substâncias secretadas pelas células glandulares podem se acumular dentro do citoplasma, sob a forma de grânulos de secreção (formados a partir do retículo endoplasmático granular), ou ser acumuladas fora das células. As células glandulares podem estar isoladas no meio de células de revestimento, constituindo glândulas unicelulares, ou se agrupar, constituindo estruturas chamadas glândulas pluricelulares.

As glândulas podem ser endócrinas ou exócrinas. As glândulas endócrinas enviam seu produto na corrente sanguínea e as exócrinas a secreção pode ser lançada em uma cavidade como ocorre com as salivares ou ser lançado no exterior como ocorre com as sudoríparas.

As glândulas cutâneas compreendem as glândulas sudoríparas, sebáceas e mamárias.

Glândulas sudoríparas: (do latim sudor, conduzir), são responsáveis pela perspiração.
Na ponta dos dedos onde são numerosas, atingem 500cm2 e tem papel importante na termorregulação porque a evaporação da água retira calor do corpo.
São mais numerosas nas palmas das mãos e planta dos pés. A perspiração insensível é assim denominada porque não podemos vê-la ou senti-la.
Glândulas sudoríparas modificadas que se originam dos folículos pilosos,são encontradas nas axilas, aréola da mama, meato acústico externo e pálpebra. Estas glândulas são apócrinas, isto é, parte das células secretoras participa da secreção e são eliminadas com ela.

Glândulas sebáceas: (do latim sebum, sebo), localizam-se entre o músculo eretor do pêlo e seu folículo piloso, às vezes formando um anel ao redor do folículo. As glândulas sebáceas são classificadas como holócrinas porque após proliferação e acúmulo de lipídios a célula secretora como um todo se desintegra e se torna parte da secreção.
Glândulas sebáceas livres (não associadas a pelos), estão presentes na mucosa da bochecha, pálpebras e no meato acústico externo (glândulas ceruminosas).
A função do sebo é manter flexíveis as camadas queratinizadas de pele e evitar a perda de
calor do corpo, retardando a evaporação.

Glândulas mamárias: (do latim mama), as mamas são responsáveis pela classificação dos mamíferos.
A bimastia é comum nos seres humanos, enquanto a polimastia é comum nos outros
mamíferos.
A glândula mamária é mista ou composta, é exócrina e apócrina.
A glândula mamária masculina é achatada, consiste em cordões epiteliais e ductos.
A mama feminina consiste de mamilo que é uma proeminência e contém as aberturas dos
ductos lactíferos e aréola que é uma região pigmentada a partir da puberdade pelos hormônios estrógeno e mamogênico.
A lactação é estimulada pelo complexo prolactínico (lactogênio segregado pela adenoipófise, glândulas suprarrenais e tireóide).
Existem aproximadamente quinze glândulas compostas sendo cada uma formada por lóbulos e possuindo um ducto lactífero, cada um possuindo uma abertura no mamilo.

- Advertisement -

Visite:

- Advertisement -Aula Particular Valinhos

Conteúdos Recentes

Apostila de Botânica 2020

A disciplina BOTÂNICA, principalmente nos cursos de Biologia, constitui-se de aulas teóricas e práticas. As aulas práticas são de fundamental importância, pois oferecem aos...

Porque escolhi uma escola Waldorf

https://www.youtube.com/watch?v=MV3gvGvATHw

Documentário: Pedagogia Waldorf

https://www.youtube.com/watch?v=hr4uUZsC8_g
Professora Silvia Mattoshttps://professorasilviamattos.com.br/
Sou a Professora Silvia Mattos, Bióloga, Especialista Ambiental, Mestre em Toxicologia Ambiental, Patologista e Técnica Química. Prof. da Educação Infantil. Dou aulas particulares, Treinadora técnica e comportamental, lecionei 21 anos nas F. Padre Anchieta e SENAC.

Mais artigos

Open chat